Aos olhos do Pai Você é uma obra prima Que ele planejou Com suas próprias mãos pintou A cor de sua pele Os seus cabelos desenhou Cada detalhe Num toque de amor Você é linda demais Perfeita aos olhos do pai Alguém igual a você não vi jamais Princesa linda demais Perfeita aos olhos do Pai Alguém igual a você não vi jamais Nunca deixe alguém dizer Que não é querida Antes de você nascer Deus sonhou com você! Te amo filha, com amor mamãe Thyara.
RECEITA DE MENINA: Para se fazer uma menina toma-se uma xícara de felicidade, dois balões lilas, pétalas de rosa, um pouco de glacê, um punhadinho de areia, três conchinhas róseas, uma colherada de imaginação. Acrescente-se também um pouquinho de sal e muito açúcar e mel, uma casquinha de sorvete, o dengo de um gatinho novo e três gotinhas de perfume. Não esquecer de um espelhinho prateado, pois uma menina é, antes de tudo, mulher e logicamente vaidosa. É importante adicionar uma borboleta amarela, muita inocência e um dedinho com band-aid. Recolhe com cuidado, uma gotinha de orvalho, o brilho de uma jóia, todas as matizes de um quadro de Renoir, uma pitada de sonho e muito carinho. Consiga um pouco daquela brisa que sopra do mar, uma colheri nha da luz das estrelas, um sorriso inesperado, o ruído de uma onda na praia e deixe tudo isso ao luar. Misture e acrescente muita ternura e amor, um pouco de teimosia e muita curiosidade, uma lágrima e duas asinhas de beija-flor. É assim que são feitas as meninas. São as coisinhas mais lindas que existem na terra. São muito frágeis e ao mesmo tempo fortes e resistentes. Com apenas uma lágrima comovem o mais duro dos corações, pois ninguém resiste a um pedido acompanhado de um beijo molhado. Uma menina parece que nasce sabendo que terá a responsabilidade de alegrar, suavizar e colorir a vida.
Pois bem, assim são feitas as meninas, assim eu fiz minha doce, pequena e grande menininha, minha vidinha meu amor, minha SARINHA!!!

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

O feriadão... de dona Sarita!

Eita que o feriadão rendeu muitas brincadeiras, passeios e folia... as priminhas Gabriela, Rafaela e Manuela, vieram passar o feriadão aqui em Maceió, ou seja, o resultado disso é brincadeira até ninguém querer mais e no meio de tudo isso haja "pérolas", brotada na cabecinha pensante delas, dona Sarah e Gabriela... que antes que eu esqueça tem a mesma idade, enormes 6 anos! e a gente vai se divertindo com tudo isso, porque diga-se de passagem é muito bom ouvir essas pérolas, a gente se diverte mesmo...bem a brincadeira rendeu tanto que a dona moça, pensou que sabia voar, enquanto a prima Gabi balançava na rede ela achou que pulando caia dentro, ou seja... vocês advinham o resultado? nem precisa ter bola de cristal pra imaginar que o resultado dessa arte, foi uma linda voadora, que resultou numa queda linda né... não era pra menos, ainda bem que eu não tava se não já viu o meu desespero e susto... aff! então ela na sua sabedoria, contou a quem? essa arte... aos cúmplices... a avó Rejane que tava na hora e tratou de cuidar do acontecido, colocou gelo na cabeça e no braço e ao Pai, quando fomos busca-la, e a mim nada né... já sabia que ia levar uma bronca, então passou só que nessa peraltice ela machucou o braço, e no dia seguinte, ela acordou e falou assim: mamãe, meu braço tá doendo e eu falei deve ter sido um jeitinho que você dormiu ai ficou dolorido e passou, mais ela continuou a reclamar falado que tava doendo muito e eu então perguntei já sabendo que daquele mato ia sair coelho, então falei filha você bateu o braço em algum lugar e ela respondeu assim: "Acho que sim", e eu falei onde? ai ela disse mãe! minha vó não contou não? eu falei não, o que houve... e ela naquele arrodeio disse eu contei ao meu pai, e eu já querendo pegar ar, porque eu sabia que ela tava me enrolando, e eu falei filha fale logo... dai ela disse "eu cai da rede"... Daí eu falei assim e foi? mais você lembra quantas vezes a mamãe já te falou pra não brincar em rede que é perigos e cai, se machuca e ela com aquela cara de culpada e de ué junta, com um sorriso liso, só balançou a cabeça, e eu continuei afinal eu tinha que lembrara a ela que todo aquele sermão era porque eu queria somente o seu bem, ou seja falei e falei, espero que assim ela tenha aprendido a lição porque criança só aprende quando acontece, é o famoso ditado, (não vi, não voga) ou ( só acredito vendo), tá ai né... passou isso tudo, deu trabalho pra trocar de roupa nela, e ela toda mucha coisa que não acontece se algo algo realmente não estiver incomodando, dei remédio pra passar a a dor e fomos almoçar e levei ela na emergência, lá o médico falou que foi só o machucado, não precisaria de anti-inflamatório somente compressas de gelo, e ela chorando já antes do tempo viu, mais sabe porque, o pai que de santo não tem nada disse que ela ia levar injeção, e eu só via ela estressada lá fora dizendo que tava nervosa... pudera né, um pai encrenqueiro desse, coitada! não era pra menos o chororô na hora que viu o doutor, kkkkkkk olhe eu mereço viu, dai quando saímos eu falei você não tem jeito né, fala isso fazendo medo quando tiver uma precisão ela já vai vim apavorada... olhe eu confesso, tem horas que são 2 crianças os dois em casa, nossa! enfim gente fora isso ai, o que rendeu mesmo foi muita alegria, passeios, lanches, shoppings e muitas brincadeiras, e tudo mais... e já sabem o que rola no fim da noite né? mãe posso ficar um pouquinho com você e meu pai na cama... e o pai que de besta não tem nada dia só se me der massagem, kkkk eu mereço.... mais e num e que ela da massagem direitinho... é uma onda os dois, se agarram e fingem que tão dormindo, pra me enganar... ai só vendo... bem pessoal esse foi um pequeno resumo do feriadão, deixo pra você algumas fotinhas e um enorme beijo, com amor da mamãe Thy!

As pecinhas... Gabriela, Sofia, Sarah e Rafaela...
... e os cabelos, só fuá...
... a dona da cara lisa...
Linda que a mamãe tanto ama...





3 comentários:

  1. Lindo blog Ameeei....Passei para deixar um selinho que se encontra no meu blog: http://sejaamiguinhos.blogspot.com.br

    na pagina selinho.
    bjus!!!!

    ResponderExcluir
  2. Olá Rosangela, que bom que gostou do cantinho da minha filhota, quero te agradecer imensamente pelo selinho, seja sempre bem vinda aqui tá, depois passa nos outros blogs pra conhecer, beijos em teu coração com carinho da mamãe Thy!

    ResponderExcluir
  3. Oi Sarita, queridinha da tia, tudo bem? A tia não veio te ver antes porque estava viajando, mas agora aqui estou e pelo que vi teu feriadão foi uma festa né, com todas as priminhas juntas.

    Eu vim também contar uma histórinha pra você. Acho que você gosta de história de princesas né? Então eu vou escrever aqui e depois você pede pra mamãe ler tá bom assim?

    Espero que vc goste!
    *******************************************************************************

    A PRINCESA E O CAVALEIRO
    (história de autoria de Lu Cavichioli)

    Era uma vez, nos tempos dos castelos encantados, príncipes e magos, viveu um cavaleiro apaixonado e seu coração pertencia à Bela da Torre.


    Nessa torre ela ficava sempre ao lado de uma gaiola dourada onde morava um pássaro encantado.
    Dizem que o tal cavaleiro não era correspondido em seu amor, mas mesmo assim não desistia em falar à Bela sobre o seu amor por ela.

    Mas um dia ele já quase sem forças e muito triste desistiu e compreendeu que nunca realizaria seu sonho. Então ele pegou seu cavalo e foi pra bem longe, muito longe...

    Cavalgou muitos dias, até que resolveu parar diante de uma fonte porque estava com muita sede. Desceu do cavalo e foi em direção ao lago da fonte para beber água fresca.

    Chegando lá ele chorou de saudade da Bela da Torre e desejou ver seu rosto refletido nas águas do lago.
    Ele estava tão distraído que não percebeu que a seu lado apareceu a Deusa das Águas, branca e luminosa e que tinha poderes mágicos.

    Ela olhou para o cavaleiro e viu que estava chorando e então ele pediu a ela que o livrasse de toda aquela tristeza e contou sua história para a Deusa.

    De repente, num toque de magia o destino do cavaleiro mudou e ele em pássaro se transformou, voando alto, muito alto. Indo pousar no parapeito da torre de sua amada. E quando a princesa o viu dele se enamorou e para sempre o amou.

    É por isso que ainda hoje pode se ver no alto da torre, a princesa e o cavaleiro, a Bela e seu Pássaro.

    FIM

    beijos da Tia Lu, minha amadinha

    beijão Thy!
    ***






    ResponderExcluir